14 de fevereiro de 2017

Um novo amigo


Era mais um sábado bem quente e eu estava sozinha em casa. A solidão me permite fazer coisas diferentes como cozinhar ouvindo o rádio bem alto, mas me cansei das músicas e voltei a ouvir apenas o som vindo da rua.

Tudo quieto novamente, então fui dar uma espiada no celular para jogar um pouco. Nesse momento, ouvi um som bem familiar. Não dei muita importância porque o meu objetivo era apenas jogar e nada mais. 

O som voltou, tirando a minha concentração do jogo. Se não consigo jogar, o jeito e ver o que está acontecendo lá fora. Observo o quintal, o muro, os vasos e não vejo nada. Entro para dentro porque não quero ficar no sol quente. 

Quando chego na cozinha, escuto o som novamente e desta vez está mais perto. Não posso perder a chance de ver o que está lá fora. Volto correndo e olho na direção do som. 

Lá está o responsável pelo barulho. Ele olha para mim com aqueles olhos encantadores e sinto que já estou apaixonada. Foi amor à primeira vista e começo a fazer alguns planos. 

Só que nem todos da minha casa compartilham do mesmo sentimento. Mário Eduardo aparece e estraga o que eu tinha em mente. Ele vai ao encontro do meu novo amigo e o encara como se falasse: "vai embora". Depois disso, ele parte rapidamente.

E eu fiquei com o meu coração partido por não poder ter um novo amigo, um novo gato, já que Mário Eduardo, não gostou dele. 


(Apareceu mais um gato na minha casa, mas Mário Eduardo não gostou dele e já o expulsou. Por isso ficarei só com Mário Eduardo, meu gato ciumento e a inspiração do outro gato para o texto de hoje).



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

22 comentários:

  1. Já tenho um gato mais velhinho e esses dias meu marido me trouxe um bebê...amei!
    Uma pena os gatos que já temos serem ciumentos assim, mas o bom qé que se tiver um novo, logo estarão brincando junto.


    Bjim...
    >>blog Usei Hoje<<
    Instagram | Twitter | Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom saber que eles podem gostar de um gato mais novinho. Bjus!

      Excluir
  2. Quem sabe ele não volta...
    As vezes eles se acostumam.
    Bjus
    Taty
    Na Casa dos Abrantes
    Canal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Mário Eduardo tem muito ciúmes, não sei se ele se acostumará. Bjus!

      Excluir
  3. Amei este texto :*

    http://a-cacheada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Que texto lindo!! Amei demaais <3

    uuniverso-feminino.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Amei o texto, e ainda mais o nome do seu gato haha Mário Eduardo lindo e ciumento. Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que texto lindo Adriana, eles se sentem donos do pedaço quando aparecem outros gatinhos rs!
    Beijosss
    http://detudoumpoucosil.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo. Eles brigam pelo território deles. Bjus!

      Excluir
  7. Olá, tudo bem?
    Gatos são tão fofos né? Eu tenho uma gata que se chama Mel.
    Amei o texto, muito lindo.
    Beijos!

    Http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A minha vizinha também tem uma gata que se chama Mel. É um lindo nome. Bjus!

      Excluir

Olá!! Muito obrigada pela sua visita...
Fique a vontade para fazer seus comentários e dar sugestões. Mas por favor, não utilize palavrões, ou qualquer tipo de preconceito e discriminação. Lembre-se trate as pessoas como você gostaria de ser tratado, com educação e respeito.
Deixe o link do seu blog ou outra forma de contato e assim que der, estarei lhe retribuindo, com minha visita.

Beijos e volte sempre !!!