21 de junho de 2016

Uma atitude suspeita


Era mais um dia de compras e como sempre, eu estava com pressa. Entrei rápido, mas foi o suficiente para perceber que tinha alguém no corredor por onde passei. 

Caminhei pela loja procurando os itens que eu queria. Escolhi as peças que gostei, mas tinha uma blusa que não consegui encontrar um número que servisse em mim. Então fui procurar o vendedor que tinha visto assim que entrei na loja. 

Olhei para os lados e não encontrei. Nem o primeiro vendedor que vi e nenhum outro. Onde será que estavam os vendedores daquela loja? Como não vi ninguém, fui andar pela loja para encontrar alguém que pudesse me ajudar. 

Então observei roupas que vi, assim que entrei. O vendedor deveria estar perto. Eu me lembrei que vi alguém e depois olhei para aquela parte da loja. Andei mais um pouco e percebi que estava bem perto. 

Olhei para o lado e vi o vendedor. A primeira coisa que fiz foi abrir a boca e perguntar sobre a blusa, mas percebi algo estranho nele. Ele estava parado, muito quieto, sorrindo, balançando de um lado para o outro, com uma atitude suspeita. 

Havia um motivo para ele ter aquele sorriso estranho e uma atitude suspeita. Ele não era um vendedor comum. Ele era um manequim de papel em tamanho natural, decorando a loja e eu era a distraída que não viu que o vendedor era apenas um pedaço de papel. 


(Eu pensei que um papelão era um vendedor e fui perguntar sobre uma blusa para ele. Ainda bem que percebi e não falei nada, mas o fato me inspirou a escrever o texto de hoje.)



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

16 comentários:

  1. É bem assim quando procuramos algum vendedor.. dá a impressão que eles se escondem. xD

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  2. Estava toda no suspense aqui achando que tinha acontecido algo de errado kkkk mas quem nunca confundiu um banner ou manequim com uma pessoa?! kkk Coisas da vida ainda mais num mundo onde tudo é feito nos detalhes, haha.

    arrasou no texto.

    Bjokas da Vaci :*
    http://blogpapodeesmalte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Gostei!

    Eliana,
    https://around-eliana.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  4. Essa postagem é tão minha cara kkl, essas coisas acontecem comigo direto.
    Estou seguindo seu blog.
    nicoleprass.com.br

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkk sorte que percebeu e não tinha ninguém perto de vc.
    Belo texto e divertido.
    Beijos.

    http://as-coisas-mais-doces.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que percebi logo, senão seria um mico bem grande. kkkk. Bjus!

      Excluir
  6. Hahahhahahahha morri de rir! Eu tenho uma história assim também, mas envolve um boneco de cera que imaginei que estava tirando foto de outros bonecos de cera HAHAHAH

    Um beijo! ♥
    www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se eu ver um boneco de cera, até converso com ele. kkkk. Ainda bem que não sou a única que vê bonecos e pensa que é gente. Bjus!

      Excluir

Olá!! Muito obrigada pela sua visita...
Fique a vontade para fazer seus comentários e dar sugestões. Mas por favor, não utilize palavrões, ou qualquer tipo de preconceito e discriminação. Lembre-se trate as pessoas como você gostaria de ser tratado, com educação e respeito.
Deixe o link do seu blog ou outra forma de contato e assim que der, estarei lhe retribuindo, com minha visita.

Beijos e volte sempre !!!