3 de abril de 2020

Nail art: coração azul


Estou em casa e a minha criatividade se foi. Eu gosto de ver coisas novas e diferentes para me inspirar, mas como não é possível sair, pensei em mil coisas para fazer em minhas unhas e só consegui colocar um coração azul. 

Como é preciso lavar as mãos muitas vezes ao dia, sinto que minhas mãos precisam de muita hidratação. Eu sempre lavei muito as mãos, agora estou lavando ainda mais. Sinto que estou exagerando, mas por enquanto é necessário. 

Os corações não permaneceram muito tempo nas minhas unhas por causa do excesso de água. Eles saem rápido, mas dessa vez duraram bem menos. 

O esmalte que escolhi é o cupcake da Dote. Ele é um rosa bem clarinho, quase branco e bem delicado. Mesmo sendo preciso aplicar umas 3 camadas para uma boa cobertura, continuo gostando desse esmalte.



O coração azul é um acessório da Impala. Eles enroscam e por isso aplico uma camada generosa de top coat por cima e fica ótimo. 

Se não fosse pelo excesso de água o coração teria permanecido por mais tempo colado nas unhas. Mas vida que segue e se estragou, bora fazer outra nail art.




Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

1 de abril de 2020

Aconteceu em março 2020


O mês de março finalmente acabou. Eu fiz muitos planos, mas não pude fazer nada porque chegou o coronavírus e a quarentena. Muitas vezes eu deixo de ir em algum lugar por preguiça ou falta de tempo, mas dessa vez o motivo é muito maior que isso. É preciso ficar em casa e proteger à todos. 

Ainda me lembro do início de março quando fui com a minha mãe ao centro, ao supermercado e nós fizemos planos para visitar algumas lojas no fim do mês. O mais estranho é que imagens dos lugares que fomos naquele dia ainda estão na minha mente. 

O fato de poder sair de casa só em extrema necessidade, nos faz pensar mais em comida. Já que a gente está em casa, o jeito é comer para trazer um pouco de alegria. 

A minha mãe comprou muitas bananas na última vez que fomos ao supermercado. Talvez a culpa seja minha porque falei para ela que tinha assistido alguns vídeos no youtube, de brasileiros que moram na Europa e eles mostravam as prateleiras dos supermercados vazias. 

Por essa razão minha mãe comprou mais bananas que conseguiríamos comer. Resultado as bananas ficaram muito maduras e iriam para o lixo. O supermercado continua cheio de alimentos por aqui e  tem muitas bananas para alegria de minha mãe. Só o álcool em gel que só encontro em minha memória. 

Para aproveitar as bananas, a minha mãe fez um delicioso bolo de banana. Essas bolas amarelas que estão na foto são damasco que usei para decorar. 



Essa é a quarentena das comidas gostosas aqui em casa. A minha mãe está muito dedicada na cozinha. Ela também fez um doce de abóbora só para mim. Como a minha irmã não gosta de abóbora e minha mãe não pode consumir muito açúcar, o doce é só meu.

Eu tenho um pote com doce de abóbora me esperando dentro da geladeira. 



A quarentena fez a minha mãe se apaixonar pelo Herculano. Ela sempre brigava com ele. O Herculano foi abandonado pelo seu antigo dono e talvez por isso ele tinha um comportamento estranho. Herculano não parava de se esfregar em nossas pernas e estava sempre andando atrás de alguém. 

Depois que ele passou a frequentar a minha casa, ficou mais tranquilo. Não se esfrega com tanta frequência e não briga muito com Mário Eduardo. 

Ele começou a subir na cama da minha mãe e ela sempre brigando com ele. Mas como eu disse, a quarentena deixou ela apaixonada por ele. Tanto amor, que agora Herculano pode dormir na cama. Ele gosta é de dormir em cima da barriga da minha mãe. 



Eu estou aproveitando a quarentena para ler, ver alguns filmes e aprender coisas novas. Se tem algo que eu gosto muito são os origamis. Eu sempre quis aprender a fazer o tsuru, mas nunca encontrava um vídeo bom e que eu conseguisse aprender.

Aproveitei o tempo livre para maratonar os origamis de tsuru. Para aprender tive que unir o aprendizado de dois vídeos. Eu assisti o começo de um vídeo e o final de outro. Quando o primeiro tsuru ficou pronto, foi só felicidade.

Segundo a lenda, quem construir 1000 tsurus terá seus pedidos atendidos. Eu já fiz muitos tsurus e já perdi a conta. Alguns já foram parar no lixo porque estavam feios demais. O importante é não desistir e continuar.

Como estou fazendo muitos tsurus, fiz uma pesquisa no google para conhecer essa ave japonesa. O tsuru é parecido com uma garça, tem pernas finas, bico fino e longo, com um corpo arredondado. A minha descrição foi péssima, mas procure no google. 

Você encontrará mais origamis que fotos da ave, mas ela é bem bonita. A maior diferença com a garça está na cor das penas, onde uma parte é preta e o topo da cabeça é vermelha.

Os meus tsurus estão feios porque ainda estou na fase de aprendizado, mas estarei bem melhor até chegar o tsuru de número 1000. 



E que o mês de abril chegue trazendo boas notícias para o mundo todo. 



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

30 de março de 2020

Como incluir sofá de canto na sua sala


A sala de estar ou de tv são dois ambientes que recebem amigos, familiares, convidados e por isso é preciso dar uma atenção especial para esses cômodos, deixando-os confortáveis e agradáveis. Uma boa saída é utilizar o sofá de canto para otimizar o espaço e ainda fazer com que todos fiquem reunidos num único ambiente.

O sofá de canto, também conhecido como sofá em L, é muito versátil e prático por funcionar de diversas formas no ambiente. Ele pode ser usado tanto em salas pequenas quanto em salas grandes. Além disso, pode servir para dividir ambientes em salas integradas.

O sofá de canto é ideal para salas pequenas porque todos os espaços são bem aproveitados. O importante é ter todas as medidas da sala para garantir a otimização do espaço e não prejudicar a circulação do local. 




Escolher uma cor clara como bege, branco e cinza são boas opções para um ambiente pequeno pois dão a impressão que o sofá ocupa menos espaço. Só que nada te impede de investir num sofá de canto colorido, mas de preferência de tom claro. 



Nas salas maiores e mais espaçosas, o sofá de canto é usado para dividir ambientes. Se você tiver uma sala integrada com escritório ou sala de jantar, o sofá de canto irá determinar o espaço de cada ambiente. A divisão se torna harmônica, não atrapalhando o espaço e a iluminação. 

E como numa sala maior não existe a preocupação em economizar espaço, dá até para colocar uma mesa de centro à frente do sofá. A mesa de centro pode receber objetos de decoração no dia a dia, e petiscos e aperitivos quando você receber seus convidados. 



Caso você prefira o reaproveitamento e colocar a mão na massa, você poderá fazer o seu próprio sofá de canto, utilizando pallets. Um bom marceneiro também poderá fazer esse serviço para você.

Depois que o sofá de canto estiver pronto é só escolher as cores das almofadas, Nesse caso, fazer a troca dos tecidos pode ser ainda mais fácil do que de um sofá tradicional. 



O que você acha de incluir o sofá de canto na sua sala? Você usaria esse tipo de sofá em sua casa? 



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...