24 de novembro de 2017

Nail art: nude com preto


Para essa semana escolhi as cores nude e preto para decorar as minhas unhas. Eu gostaria de ter escolhido outra cor que não fosse o preto, mas nunca consigo usar outra cor que não seja nude e preto. Eu gosto muito da combinação dessas duas cores. 

Depois da escolha das cores, fiz mais de mil desenhos até chegar nessa decoração bem simples, mas bem fácil de fazer. Tão fácil que qualquer um pode fazer. Usei um boleador para fazer os poás, só que dá para fazer esse tipo de desenho com qualquer objeto com ponta redonda. 

Ficou legal porque pude deixar de um jeito mais delicado com os poás. 

O esmalte nude é o la paz da marca Jequiti. 



O preto é o black tie da Dailus. 




Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

23 de novembro de 2017

Campanha Papai Noel dos Correios 2017


Todos os anos os Correios do Brasil faz a campanha do Papai Noel dos Correios, com o objetivo de incentivar e estimular a escrita nas crianças, e ainda despertar nos adultos a prática de ajudar o próximo. 

Tudo começou há 28 anos atrás, quando as crianças desenhavam, escreviam e faziam com que seus pedidos chegassem até os correios. Um grupo de funcionários se sensibilizou com as cartinhas endereçadas ao bom velhinho e decidiram tirar o sonho do papel. Assim nasceu o Papai Noel dos Correios, uma ação social que une a empresa e a população em nome da solidariedade. 

A magia de entregar os presentes para as crianças só acontece porque os Correios conta com a ajuda de pessoas dispostas a ajudar. A campanha acontece da mesma maneira em todo o país. As cartas são enviadas pelas crianças, depois são lidas por funcionários dos Correios e por fim, ficam à disposição de quem quiser adotar a carta.

Se você quiser adotar uma carta é só ir numa agência dos Correios, onde as cartas estão sendo enviadas e escolher uma cartinha. Depois é só comprar o presente e levá-lo nos Correios para que seja entregue para a criança. Os Correios irão fazer a entrega dos presentes. Não é identificado nenhum dado da criança, além de idade e o que ela quer ganhar, e também não é permitido que o doador se identifique.


As cartas para adoção estão disponíveis nos Correios, em agências indicados pela empresa. Então, se você quiser adotar uma carta, não perca tempo. É preciso verificar a data de início e termino em cada estado, que pode ser diferente, por causa das particularidades de cada região. Geralmente a campanha começa em novembro e termina no começo de dezembro, basta você se informar na sua cidade.

Este ano fui até os Correios e adotei uma carta. Escolhi uma boneca Elsa e o Olaf para presentear. Gostei tanto da boneca que estou desejando uma pra mim também. Hahahaha. Espero que a criança que a receba fique feliz com o presente.


Os pedidos das crianças eram bem simples como carrinho, boneca, roupa, sapato. As crianças são de escolas públicas, creches, abrigos, orfanatos, núcleos socioeducativos e para a maioria delas, essa é a única oportunidade que elas tem de ganhar um presente. Então, se você quiser ajudar alguém, a oportunidade pode ser essa. Faça uma criança feliz nesse natal. 



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

22 de novembro de 2017

Resenha: diário em tópicos


Se você gosta de agendas e cadernos fofos, mas tem dó de usar só para não estragar, saiba que também faço parte desse time. Eu tenho alguns cadernos que simplesmente não uso para não deixá-los feio. Sim, eu faço isso. 

Só que no momento existe uma popularização do Bullet Journal, planners, diários e agendas, que você pode utilizar para organizar e ter tudo que precisa em um único lugar. Claro que não existe um jeito certo para usar um Bullet Journal, mas você pode personalizar e deixar tudo com o seu estilo fofo de ser. 

Nas minhas pesquisas no pinterest para personalizar o meu caderno descobri o Bullet Journal. Depois pesquisei grupos no facebook sobre o assunto e foi num desses grupos que alguém falou sobre o livro diário em tópicos

No início pensei que seria muito mais prático fazer minhas pesquisas na internet do que ter um livro sobre o assunto. Só que a minha curiosidade me fez comprar o livro. Eu fiquei com um pouco de medo de me arrepender, mas isso não aconteceu. 

O livro diário em tópicos foi escrito pela Rachel Wilkerson Miller e é da editora Sextante. A edição do livro é linda demais. A capa tem um papel um pouco mais duro e as páginas tem as pontas arredondadas nas pontas. O projeto gráfico e o lettering foi feito por Antonio Rhoden.



O livro começa com a autora contando a sua história no mundo das agendas e diários. Eu me identifiquei muito com ela nesse momento. Depois ela conta sobre como foi o encontro com o formato do Bullet Journal e de como todo mundo pode usar o método. 



A primeira vez que vi um Bullet Journal achei o caderno mais lindo do mundo. Só que ele tinha um problema: era muito decorado, cheio de letras que eu nunca havia feito na vida. Eu sei que com um pouco de prática é possível fazer um belo lettering, mas num primeiro momento é assustador imaginar como escrever de um jeito tão bonito. 

E o mais legal do livro é que a autora mostra páginas bem simples e bonitas. O objetivo principal é ter algo útil para que seja feita as anotações com organização, não é mesmo? 



O livro tem 14 capítulos e mesmo quem nunca ouviu falar nesse estilo de organização pessoal, consegue entender o passo a passo para montar o Bullet Journal. É possível ver como criar páginas diárias, mensais, semestrais e anuais, onde dá para anotar os hábitos sobre alimentação, saúde, viagens, tarefas domésticas e tudo o que você precisar para se organizar melhor. 

A leitura é bem fácil e rápida. Consegui ler o livro em apenas um dia chuvoso. As páginas são amareladas e as ilustrações são lindas. O livro tem várias páginas nas cores verde e rosa, tudo bem candy color. 

Até encontrei uma página que ilustra como eu gosto de organizar os posts para o blog. É só colocar o mês no topo, os dias da semana e do mês, lado a lado. No meu caderno deixei o item "a fazer" no final da página, mas a autora deu a ideia de colocar no lado, que fica bem legal também. 


A Rachel ainda fala sobre alguns itens que podem ser usados no Bullet Journal como canetas, marcadores, adesivos, post-its, régua e todos os acessórios para se começar com a técnica. 

No final do livro tem algumas páginas com pontinhos para quem quiser praticar. Como tudo no diário em tópicos é cheio de charme, não poderia faltar uma fita na cor verde que serve como um marcador para o livro. 



Já está pensando em comprar uma nova agenda para o próximo ano? Talvez o que você precise seja apenas fazer suas anotações no seu velho caderninho que está muito bem guardado. 

Se você já aderiu ao Bullet Journal, pode contar nos comentários. 



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...