24 de agosto de 2016

Tendência: slip dress


O slip dress é mais uma daquelas tendências vinda diretamente dos anos 90 e que ressurge no mundo da moda. Ele é um vestido reto, bem solto, com tecido fluido ou cetim e que geralmente tem uma alça fina. 

Ele é um vestido bem delicado e ao mesmo tempo sexy, isso sem falar que é um vestido que se parece muito com uma camisola. Então é preciso ficar atenta para não criar um look como se estivesse saindo da cama e indo para um passeio. 

Caso você queira usar um slip dress, mas o clima estiver frio, não tem problema. Basta utilizar um casaco, uma jaqueta jeans ou de couro e até um cardigã. 

É possível criar um contraste com o vestido delicado, investindo em peças mais pesadas como tênis, coturnos e casacos maiores. 

E você vai aderir a mais essa tendência?   




Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

23 de agosto de 2016

Olhos assustados


Todas as noites, Mário Eduardo deita em sua almofada que fica do meu lado. Ele é um gato companheiro e que gosta de me perseguir porque sabe que dou comida para ele. 

Certa noite ele dormia tranquilamente do meu lado. Estava calor, por isso estava esticado, quase saindo da sua almofada. O sono estava tão bom que ele estava com a boca aberta. 

De repente ouvi um barulho e já pensei no Mário Eduardo. Ele gosta de correr atrás de lagartixas, brincar com meus sapatos e isso sempre faz barulho. Quando olhei, ele continuava dormindo tranquilamente. 

Continuei olhando para o computador, mas prestando atenção em todos os sons ou qualquer movimento suspeito pela casa. Não consegui ouvir nada. Então voltei a me distrair e até esqueci dos barulhos estranhos. 

Mas algo me fez olhar na direção da porta. Fiquei sem reação e sem saber o que fazer. Lá estava o responsável pelos sons que ouvi anteriormente. Ele era enorme, tinha olhos arregalados, o corpo era branco e o rosto preto. 

O susto tomou conta de mim e dele. Depois que vi os olhos assustados dele, tentei fazer amizade e fui ao seu encontro. Só que ele continuou com medo de mim. Ele correu, se escondeu e fiquei sem poder brincar com mais um gato fofo que apareceu na minha casa. 


(Um gato apareceu na minha casa. Deve ter vindo para visitar o Mário Eduardo e eu já fiquei com vontade de ter mais um gato. Ele foi a inspiração para o texto de hoje).



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...

22 de agosto de 2016

Decoração com falsas cabeças de animais


A primeira vez que vi uma cabeça exposta numa parede foi em um filme. A sensação não foi muito boa porque nenhum animal merece sofrer para se tornar apenas um troféu de caça.

Só que as pessoas evoluem, percebem os seus erros e acabam criando outros costumes. Não faz sentido exibir um animal na parede de casa, mas é possível criar alternativas, caso você goste de decorar sua parede com a cabeça de um animal. 

Atualmente é possível encontrar cabeças de animais de diversos materiais como madeira, cerâmica, plástico, mdf e pelúcia. Caso você não queira gastar muito dinheiro comprando uma cabeça de animal é só criar o seu próprio item usando papelão, jornal ou tecido. 



As novas cabeças ganharam estilos bem diferentes. Elas podem ser coloridas, com cores mais vibrantes e até ter algum acessório como flores. 



As cabeças podem decorar a sala, o office e até mesmo o quarto. Basta fazer com que ela combine com o restante da decoração, além de ser uma opção para deixar de ter uma parede sem nenhum item.



E você usaria uma falsa cabeça de animal para decorar a sua casa? 



Por hoje é só pessoal...
Beijinhos e até mais...